O Brasiliense começou a dar indícios de que pretende chutar a crise para escanteio e dar a volta por cima no Candangão. Na estreia do técnico Aílton Ferraz, o Jacaré não deu chances para o azar e venceu o Paranoá, por 3×0, no estádio Mané Garrincha, na tarde deste domingo. Com a vitória, o clube viverá dias mais tranquilos após as duas eliminações em dez dias.

E o time amarelo começou a partida mostrando serviço para o novo treinador. Logo aos três minutos de jogo, Mário Henrique fez bom cruzamento para Nunes. O artilheiro subiu sozinho entre a defesa do Paranoá e abriu o marcador para o Brasiliense. Mesmo com a vantagem, o Jacaré continuou em cima do Paranoá. O Brasiliense teve pelo menos três boas chances de aumentar o vantagem ainda na primeira etapa, mas desperdiçou com Nunes e Elcarlos, duas vezes. 

Na segunda etapa, o Paranoá começou a fazer mais presença no campo de ataque em busca do gol de empate e cedeu espaços para os contra-ataques amarelos. Porém, foi em um escanteio que o Jacaré ampliou o marcar. Aos 7 minutos, Mário Henrique fez a cobrança no meio da área e Romarinho foi no segundo andar para fazer a alegria dos torcedores do Jacaré.

Aos 14 minutos, o clube de Taguatinga aumentou ainda mais a boa vantagem. E o gol foi na base da raça. Elcarlos recebeu lançamento e dividiu com a defesa e a zaga do time visitante. Com oportunismo, Romarinho apareceu no meio da confusão para tocar para o gol vazio e fazer o segundo dele na partida encerrando a goleada do Brasiliense e dando uma ótima impressão para Aílton Ferraz.

A luta dos dois times continuará na próxima semana. Na quarta-feira (21/02), o Brasiliense entrará em campo para realizar um de seus jogos em atraso. O time amarelo recebe o Bolamense – em jogo válido pela terceira rodada -, no Mané Garrincha, às 16h. Já o Paranoá voltará a campo em busca da recuperação no domingo (25/02), às 10h30, quando recebe o Formosa, no Augustinho Lima.

BRASILIENSE 3

Edmar Sucuri; Patrick, Wallace, Badhuga e Mário Henrique (Gerson); Aldo, Radamés e Filipe Cirne; Romarinho (Fabinho), Elcarlos (Peninha) e Nunes.

Técnico: Ailton Ferraz.

PARANOÁ 0

Rodolfo; Vitinho, Zumba, Indio e Vandinho; Agenor, João Carlos e André Bassi (Wilker); Rafa (Kelvin), Renato (Kabila)e Emerick.

Técnico: Luis Carlos Souza.
O Distrito do Esporte é um oferecimento de

Comente

Please enter your comment!
Please enter your name here